Quais são as modalidades femininas nas Olimpíadas?

Jacqueline e Sandra Pires comemoram a primeira medalha feminina do Brasil nas Olimpíadas de Atlanta

Os Jogos Olímpicos atraem a atenção de milhões de espectadores em todo o mundo a cada edição. A competição, que acontece a cada 4 anos, conta com diversos atletas que sonham com uma medalha de ouro, nas 50 modalidades esportivas existentes. Você sabe quais são as modalidades femininas nas Olimpíadas?

A participação das mulheres, no entanto, é assunto que sempre se destaca. As modalidades femininas nas Olimpíadas surgiram em 1900 e crescem a cada edição. As mulheres já são praticamente a metade dos participantes, nos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, em 2016, elas representaram 44,9% dos competidores.

Hipismo é uma das modalidades femininas das Olimpíadas

Hipismo é uma das modalidades femininas das Olimpíadas

Modalidades femininas nas Olimpíadas

Existem provas que são exclusivamente femininas, como a ginástica rítmica e o nado sincronizado. Por outro lado, tem o hipismo em que homens e mulheres competem em grau de igualdade, lutando pela mesma medalha.

A única modalidade olímpica onde não existe participante do sexo feminino é a luta greco-romana, por enquanto rss.

Pela projeção do Comitê Olímpico Internacional (COI), 48,6% do total de atletas será de mulheres nas Olimpíadas de Tóquio 2020.

​Quais são as modalidades femininas nas Olimpíadas?

  • Águas abertas: uma prova feminina
  • Atletismo: 23 provas femininas e 1 mista
  • Badminton: 2 eventos femininos e 1 misto
  • Basquete: ​2 competições femininas
  • Beisebol/ Sotbol : 1 evento feminino
  • Boxe: ​5 lutas femininas
  • Canoagem: ​8 provas com mulheres
  • Caratê: ​4 lutas são exclusivas de mulheres
  • Ciclismo: 11 competições femininas
  • Escalada: ​1 evento feminino
  • Esgrima: ​6 provas femininas
  • Futebol: ​1 torneio feminino
  • Hipismo: ​6 eventos mistos
  • Hóquei na grama: 1 evento feminino
  • Judô: ​7 lutas femininas e 1 mista
  • Nado sincronizado: exclusivamente feminino
  • Natação: 17 provas femininas e 1 mista
  • Pentatlo moderno: 1 atividade feminina
  • Pólo aquático: 1 competição feminina
  • Remo: 7 eventos femininos
  • Rugby: ​1 disputa feminina
  • Saltos ornamentais: ​4 eventos femininos
  • Skate: 2 eventos femininos
  • Surfe: 2 eventos femininos
  • Taekwondo: 4 lutas femininas
  • Tênis: ​2 provas são femininas e 1 mista
  • Tênis de mesa: 2 eventos femininos e 1 misto
  • Tiro esportivo: 6 competições femininas e 3 mistas
  • Tiro com arco: ​2 disputas femininas 1 mista
  • Triatlo: 1 evento feminino e 1 misto
  • Vela: 4 provas femininas e 1 mista
  • Vôlei: 2 eventos femininos

Dentre as modalidades femininas nas Olimpíadas, os esportes aquáticos são os que possuem maior número de mulheres e o boxe o que possui menos inscrições femininas.

Medalhas de ouro brasileiras

Medalhas de ouro brasileiras

Além de novas modalidades esportivas, casos do surf e do skate, as Olimpíadas de Tóquio vão contar com um crescimento de competições mistas em diversos esportes.

O COI aposta nesse novo modelo como forma de incluir e incentivar a participação feminina nos Jogos.

Desde os Jogos Olímpicos de Londres, em 2012, todos os países enviaram ao menos uma mulher em suas delegações.

Você vai acompanhar aqui no Menina Joga! todos os detalhes das Olimpíadas de Tóquio.

O surf será uma das modalidades novas em Tóquio

O surf será uma das modalidades novas em Tóquio

Sobre o Menina Joga!

Somos um site especializado na cobertura esportiva feminina. Damos destaque as atletas brasileiras em diversas competições.

Surgimos em 2016 com o objetivo de trabalhar para fortalecer a divulgação das modalidades praticadas por atletas brasileiras.

Além de saber quais são as modalidades femininas nas Olimpíadas, veja também dicas de como relaxar depois dos exercícios físicos, da classificação da Superliga Feminina 2018/ 2019, você pode aproveitar para ler também:

Mayk Souza

Editor e redator em Menina Joga!
Jornalista e fotógrafo, com especialização em marketing digital. Amante dos esportes e apaixonado por futebol. Assisto qualquer jogo, mesmo que não seja do meu time do coração. Nordestino, apaixonado por um bom forró. Sou responsável pela cobertura de futebol e vôlei aqui no Menina Joga!

Deixe uma resposta