CBF promove mudanças no Brasileirão Feminino 2019

CBF promove mudanças no Brasileirão Feminino 2019

​A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) anunciou diversas novidades para a temporada 2019 do futebol feminino. Por causa da obrigatoriedade de participação das grandes equipes masculinas, houve alteração nas séries A1 e A2. Continue lendo para saber as mudanças no Brasileirão Feminino 2019.

Formato de disputa do Brasileirão Feminino 2019

A primeira grande alteração informada pela CBF é no formato de disputa da série A1 do Brasileirão Feminino 2019. A competição continuará com 16 equipes mas, ao invés do que foi no ano passado, este ano será um grupo só, com as equipes se enfrentando em jogo único.

Ao final da primeira fase, as oito melhores equipes seguem para às quartas de final, em jogos de ida e volta. O Campeonato Brasileiro de Futebol Feminino, série A1, está previsto para começar em 17 de março e tem a final programada para 29 de setembro.

Outra mudança prevista para esta edição é a ampliação das equipes rebaixadas. Antes, as duas piores equipes desciam para série A2 da temporada seguinte. No Brasileirão Feminino 2019 os quatro piores clubes vão disputar a segunda divisão em 2020.

Equipes que vão disputar o Brasileirão Feminino 2019

Time

​Estado

​Escudo

Corinthians

SP

Corinthians Futebol Feminino


​Ponte Preta

SP

Ponte Preta Futebol Feminino


​Ferroviária

SP

Ferroviária Futebol Feminino


Santos FC

SP

Santos Futebol Feminino


São José

SP

São José Futebol Feminino


​Flamengo

RJ

Flamengo Futebol Feminino


​Iranduba

AM

Iranduba Futebol Feminino


Vitória

PE

Vitória das Tabocas Futebol Feminino


Vitória

​BA

Vitória Futebol Feminino


​Sport Recife

PE

Sport Recife Futebol Feminino


​Minas Icesp

DF

Minas Icesp Futebol Feminino


​São Francisco

BA

São Francisco Futebol Feminino


​Kindermann

SC

Kindermann Futebol Feminino


​Foz Cataratas

​PR

Foz Cataratas Futebol Feminino


​Audax

SP

Osasco Audax Futebol Feminino


​Rio Preto

SP

Rio Preto Futebol Feminino


​CBF infla série A2 do Brasileirão Feminino 201

Até o ano passado, a segunda divisão do Campeonato Brasileiro de Futebol Feminino era também disputada por 16 equipes. Porém, para cumprir a determinação da FIFA para que todos os clubes da primeira divisão tenham uma equipe de futebol feminino, a CBF precisou ampliar a quantidade de participantes para 36 times.

Com isso, equipes tradicionais como Cruzeiro, Bahia, Atlético Mineiro, Palmeiras e São Paulo terão vaga na competição. O Brasileirão Feminino 2019, série A2, terá ainda a participação das 27 equipes campeãs estaduais, além dos dois rebaixados no ano passado: Portuguesa (SP) e Pinheirense (PA).

Minas vence série A2 em 2018-1

Minas vence série A2 em 2018-1

A segunda divisão do Brasileirão Feminino terá início em 17 de março e segue até o dia 11 de agosto.

​Sobre o Menina Joga!

Somos um site especializado na cobertura esportiva feminina. Damos destaque as atletas brasileiras em diversas competições.

O Menina Joga! surgiu em 2016 com o objetivo de trabalhar para fortalecer a divulgação das modalidades praticadas por atletas brasileiras, tais como futebol feminino, vôlei, basquete, natação e diversas outras.

​Além de ver as principais mudanças do Brasileirão Feminino 2019, descubra também quais são as modalidades femininas nas Olimpíadas, dicas de como relaxar depois dos exercícios físicos, e a classificação da Superliga Feminina 2018/ 2019​.

Teremos aqui a classificação atualizada do Brasileirão Feminino série A1 e série A2, além da tabela de jogos de cada competição.

Para quem vai sua torcida? Comente abaixo!

Mayk Souza

Editor e redator em Menina Joga!
Jornalista e fotógrafo, com especialização em marketing digital. Amante dos esportes e apaixonado por futebol. Assisto qualquer jogo, mesmo que não seja do meu time do coração. Nordestino, apaixonado por um bom forró. Sou responsável pela cobertura de futebol e vôlei aqui no Menina Joga!

Últimos posts por Mayk Souza (exibir todos)

Deixe uma resposta